counter easy hit

Liftshift

nacionalidade

Como um desova direto da influência psicodélica de Amsterdã nos anos 90, o Liftshift se caracterizou com um som nítido, colorido e psicodélico. Desde 2005, ele vem lançando em marcas conhecidas como: Flow Records, Spin-twist, Neurobiotic, Sourcecode e, mais recentemente, eu me juntei à música Zero1.

Nos últimos anos, o Liftshift esteve em turnê pelo mundo inteiro em grandes festivais como: Ozora, Boom Festival, Rainbow Serpent Festival, Universo Paralello, Fusion e Exit Festival. Tocou sem parar em mais de 25 países em todo o mundo o que fez do Liftshift um personagem notório e amado na comunidade global de psytrance.

liftshift ozora

Crescendo em um ambiente musical rico, por volta dos 8 anos, Eric se viu altamente focado na música. Qualquer coisa que fizesse sons e chacoalhasse o ruído teria sua atenção. Depois de aprender o seu caminho em uma guitarra, ele descobriu os caminhos da música.
Na tenra idade de 14 anos, ele estava tocando em uma banda de rock / metal com seus companheiros, atingindo os palcos de bares e festas locais deixando os adolescentes excitados e sujos após suas apresentações.

Voltando a Amsterdã em 1994, após um ano vivendo e tocando em bandas nos Estados Unidos, Eric encontrou seus amigos no meio de uma implacável epidemia de Techno. Seus companheiros o atraíram para muitos clubes e convocaram incríveis festas “de casa”, mas foi até meados de 95 quando Eric entrou em uma enorme festa no armazém onde ele encontrou sua felicidade, Goatrance!
Logo depois disso, Eric estava girando vinil e começou a ir a todos os lugares conhecidos onde havia registros para venda. Às vezes precisando lutar na loja durante a última cópia de um novo disco da Flying rhino, T.I.P. ou Blue Room EP.
Artistas como o X-dream, o Hallucinogen, o Slinky Wizard e as Green Nuns o inspiraram mais naquele tempo.
Acumular festas com seus parceiros de crime em um pedaço de terra, um bunker de 400 anos de idade ou em clubes e em torno de Amsterdã é o que deixou os fanáticos psicodélicos familiarizados com sua escolha eclética de música e habilidades por trás do convés. Em pouco tempo ele estava tocando sem parar em clubes estabelecidos e para os principais promotores da Holanda. Esses sucessos tornaram Eric ainda mais faminto e inquieto, naturalmente levando-o no caminho da produção de estúdio.
Depois de sentar-se dentro do estúdio ansiosamente olhando por cima do ombro e aprendendo o básico de Ramon Sterman e de Cosmoon e Twisted Travellers, Eric estava pronto para pegar seu próprio equipamento e experimentar.

Em 2005 nasceu o Liftshift e poucos anos depois do primeiro dia ele construiu a reputação de destruir as pistas de dança em todo o mundo e por ter uma larga escala de fantasia e uma orelha distorcida para aquele toque extra de psicodélicos dentro do lado progressivo do gênero. Até o momento ele tem cerca de 80 lançamentos em seu nome, 2 álbuns completos e Liftshift foi visto colaborando e remixando junto com os maiores nomes que a cena tem a oferecer para pessoas como Ajja, Zen Mechanics, E-clip, Sonic SpeciesAllaby, entre outros.

Desde 2015, ele também tem sido muito bem sucedido em um projeto paralelo psicodélico chamado “Obliviant“.
Juntamente com seu infame parceiro no crime “Dj Justin Chaos” eles estão prontos para conquistar pistas de dança em todo o mundo!

Liftshift no Soundcloud

Liftshift no Facebook

Artistas que você pode gostar

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *