counter easy hit

Psyberpunk

nacionalidade

Viciado em explorações sonoras desde meados dos anos 80 ….

Comecou a produzir e tocar “Psychedelic Dance Music” em 1993.

De 95 até 2002, ele cria uma cena no sul da Suíça e organiza festas de psytrance, principalmente nas montanhas dos Alpes (Psyberpunk Corp) e desenvolveu de 95 até 2004 um programa semanal de rádio no Couleur 3 (National Swiss Radio)

Ele também explora: escultura, decoração, grafismo, … e audiovisual

psyberpunk psytrance

Ele lançou faixas em rótulos como: Return to the source, Peak Rec, PARVATI, WorldPeople (vs Parasense), Sangoma rec (with Hyper Frequencies), Temple Twister Rec (vs Drumatik), Moonloop Rec (vs Electrypnose), Sub System rec ….

Ele tocou em festivais internacionais como: Zoom, Boom, Exodus, Modem, KhoPhangan, Transahara, …

E a exploração sonora continua, …

Originalidade de seus conjuntos: Uma seleção meticulosa de faixas qualitativas, que ele remixou sistematicamente.
Essa busca de sons o coloca em todos os subgêneros de Goa, desde Tribal-Psy-Prog até Twisted-Forest-Trance, sempre com o mesmo objetivo: o máximo de energia e sorrisos na pista de dança.
Mas a parte essencial no set de um PsyberpunK é a história e, em geral, é intensamente psicodélica!

Artistas que ele curte: Juno Reactor, Young Gods, Ministry, Orbital, Eat Static, Slayer, Motorhead, BeastyBoys, Soundgarden, King Krimson, Sepultura, Primus, Praxis, …

Psyberpunk no Soundcloud

Psyberpunk no Facebook

Artistas que você pode gostar

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *